Goleiro Bruno

Publicado em 01/02/2014 às 12h47

Interesse de time de Montes Claros (MG) pode ajudar goleiro Bruno a deixar segurança máxima


Condenado a 22 anos e três meses em regime fechado pela morte de Eliza Samudio, o goleiro Bruno tenta trocar de presídio para escapar do regime de segurança máxima em que vive hoje e, de quebra, faz acordos verbais com equipes de futebol caso consiga a liberação da Justiça para treinar.

Leia mais notícias no R7 Minas
O mais novo "acordo" é com o Montes Claros Futebol Clube, do norte de Minas, que disputa a Segunda Divisão do campeonato estadual. A defesa de Bruno espera apreciação da Justiça para o pedido de transferência para a cidade, que possui um presídio regional. As únicas unidades prisionais de segurança máxima em Minas são a Nelson Hungria, em Contagem, onde Bruno está recolhido, e a penitenciária de Francisco Sá, também no norte do Estado.

Enviar comentário

voltar para INICIO

left show tsN fwR uppercase|left fwR tsN uppercase|left show fwR tsN uppercase bdt b02s|bnull|||news login uppercase b01 bsd|fsN fwR b01 bsd normalcase|normalcase b01 bsd|login news fwR b01 bsd normalcase|tsN fwR b01 bsd normalcase|fwR b01 bsd normalcase